29 de abr de 2015

Petrobras: Conselho de Administração

Um contador-professor ou professor-contador no Conselho de Administração da Petrobras: o professor Nelson Carvalho, da FEA/USP


A União decidiu alterar os nomes de três dos sete membros que tem direito a indicar para a Conselho de Administração da Petrobras. Entraram na lista Luis Nelson Guedes de Carvalho, professor da USP especializado em contabilidade e auditoria; Segen Estefen, da COPPE/UFRJ; e Roberto da Cunha Castello Branco, ex-diretor Financeiro da Vale e hoje na Fundação Getulio Vargas (FGV). Eles vão entrar no lugar de Sergio Quintella, da FGV, do general Francisco Albuquerque e de Ivan Monteiro, diretor Financeiro da Petrobras.

Os nomes indicados pela União foram aprovados na Assembleia por 66,3% dos acionistas da companhia. Votaram contra os nomes 5,04% dos acionistas. O índice de abstenção foi de 28,62%. Os conselheiros têm mandato de um ano.

Além disso, a União manteve os nomes que já haviam sido indicados anteriormente, como Murilo Ferreira, presidente da Vale, e candidato à presidente do Conselho de Administração da Petrobras; Luciano Coutinho, presidente do BNDES; Aldemir Bendine, presidente da Petrobras; e Luis Navarro, da Veiranos Advogados.

Texto de Ramona Ordonez e Bruno Rosa – O Globo – 29/04/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para as discussões de ideias contábeis e outras mais. Obrigada!

“... nunca [...] plenamente maduro, nem nas idéias nem no estilo, mas sempre verde, incompleto, experimental.” (Gilberto Freire)