11 de dez de 2014

Artigos de periódicos

Segundo post da série Artigos de periódicos, com a divulgação dos artigos publicados na Revista ABCustos, v. VIII, n. 3 (Set.-Dez. 2013), editada pela Associação Brasileira de Custos. Nessa edição da revista são apresentados cinco artigos: 



  
Os autores apresentam a mensuração do nível de transparência de informações divulgadas por municípios do Rio Grande do Sul com população superior a 50 mil habitantes, utilizando trinta e dois indicadores que representam as informações requeridas na Lei de Responsabilidade Social e na Lei de Acesso à Informação. Constataram um baixo nível de transparência e subutilização da Internet pelas prefeituras municipais amostradas.



   
artigo apresenta um estudo comparativo entre o método de custeio baseado no mix (CBMIX) e outros métodos de custeio, aplicando a metodologia Analytic Hierarchy Process (AHP) para efetuar esta comparação, considerando as funções de custeio: gestão dos processos, provisão de informações gerenciais e de informações para a contabilidade.  




Nesse artigo os autores apresentam o resultado de um estudo realizado em restaurantes self services da cidade de Aracajú/SE, examinando aspectos como a formação do preço, a concorrência, clientes e gestão de custos. Observaram que os proprietários reconhecem a importância da adoção de método de custeio que possa dar suporte ao processo de formação de preços ao consumidor, considerando os custos, concorrência e valor percebido.   



    
O artigo apresenta os resultados de um estudo realizado em empresa de pequeno porte do ramo de confecções, mediante aplicação do método de custeio ABC associado aos princípios da matriz GUT. Com a aplicação do ABC constataram que atividades como atender cliente e comprar matérias primas podem passar por melhorias visando à redução de custos. A aplicação da matriz GUT permitiu verificar as situações que mais necessitam de monitoramento, como falta de material e quebra de máquinas, pois podem inviabilizar a execução do processo. 



Autores: Gisela Schaffer    Marcos Crepaldi  
  
O artigo teve por objetivo avaliar a aplicação de boas práticas de governança corporativa em cooperativas agropecuárias do setor de laticínios, na percepção de seus controllers. Os resultados apontam diversas convergências às boas práticas, porém há aspectos que devem merecer a atenção dos gestores por divergirem das mesmas.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para as discussões de ideias contábeis e outras mais. Obrigada!

“... nunca [...] plenamente maduro, nem nas idéias nem no estilo, mas sempre verde, incompleto, experimental.” (Gilberto Freire)