3 de abr de 2011

Demonstração dos Fluxos de Caixa

As questões a seguir devem ser respondidas com base no CPC 03 (IAS 7) - Demonstração dos Fluxos de Caixa e no Manual de Contabilidade Societária (FIPECAFI), além da Lei nº 6.404/1976 e atualizações:

1) Qual o tratamento em termos de classificação nos três grupos de atividades o CPC 03 recomenda para os juros e dividendos, pagos e recebidos?

2) Ganhos e perdas não realizados resultantes de mudanças nas taxas de câmbio de moedas estrangeiras devem ser incluídos na demonstração dos fluxos de caixa?

3) Como tratar ágio e deságio na emissão de instrumentos de dívida na elaboração da DFC?

4) Que impacto o tratamento de um arrendamento mercantil como operacional ou financeiro pode provocar na DFC?

5) De acordo com o CPC 03 (Demonstração dos Fluxos de Caixa) há um prazo máximo de vencimento de um investimento para que o mesmo possa ser classificado como equivalente de caixa?

Depois da próxima aula de contabildidade Societária, postarei aqui as questões sobre Ativo Intangível (CPC 04/IAS 38) e Ativo Não Circulante mantido para Venda e Operações Descontinuadas (CPC 31/IFRS 5).

2 comentários:

  1. oi..
    adorei seu blog, estou no último ano de graduação de uma faculdade particular aqui de Brasília e consegui tirar algumas dúvidas com o auxílio do blog..
    parabéns e visitarei aqui todos os dias...
    abraços
    Juliana

    ResponderExcluir
  2. Oi Juliana! Obrigada por acompanhar o Blog! Se tiver críticas e sugestãos, pode enviar. Serão bem recebidas. Tenho dois amigos em BSB, que fizeram Mestrado na UnB. Abraços

    ResponderExcluir

Sua participação é muito importante para as discussões de ideias contábeis e outras mais. Obrigada!

“... nunca [...] plenamente maduro, nem nas idéias nem no estilo, mas sempre verde, incompleto, experimental.” (Gilberto Freire)