7 de mar de 2010

A Tamancada de Ayres de Brito em Arruda

A mais dolorosa tamancada em conseqüência do seu esquema de corrupção que o levou à prisão, o governador afastado José Roberto Arruda recebeu-a do ministro Carlos Ayres Britto, do Supremo Tribunal Federal, ao emitir seu voto contra o habeas-corpus e, consequentemente, a manutenção do engaiolamento do governador. Disparou: "Dói na alma e no coração ver um governador sair direto do palácio para a cadeia, mas há quem chegue às maiores alturas para cometer as maiores baixezas". Bem, isso é comum, ou quase, entre os políticos brasileiros.

(Samuel Celestino)

Fonte: Bahia Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para as discussões de ideias contábeis e outras mais. Obrigada!

“... nunca [...] plenamente maduro, nem nas idéias nem no estilo, mas sempre verde, incompleto, experimental.” (Gilberto Freire)